mar 12

O Ecad (Escritório Central de Arrecadação e Distribuição) admitiu “erro de interpretação operacional” ao cobrar o blog Caligraffiti por incorporar vídeos do YouTube e do Vimeo em seus posts.

O caso ganhou grande repercussão nas redes sociais na semana passada. Até mesmo o Google, por meio de um post assinado por um diretor, se manifestou contrário a esse tipo de cobrança, que também teria sido feita a outro blog.

Responsável por arrecadar e distribuir os direitos autorais de músicas no País, o Ecad divulgou um comunicado em que trata a polêmica como “fato isolado”.

Para um bom entendedor, meio post basta. Para todos os outros, clique aqui e leia mais »